Seja bem-vindo ao site da Família Lacerda. Para fins de organização, nossa geração de referência serão os meus avós José Lacerda Leite Filho e Hocília Lacerda Leite. A cidade de Recife, PE, será  nosso “Marco Zero”. A partir deles, identificaremos nossos ancestrais, cujas gerações anteriores e posteriores muito honram nossa herança histórica. Uma saga humana, iniciada na Espanha, passando por Portugal, entrando pelo Brasil, em especial na região Nordeste, tendo como palcos dessa aventura os estados da Paraíba, Rio Grande do Norte e Pernambuco. Veremos as influências e importante participação das famílias Fernandes, Leite e Pessoa na formação do que somos atualmente. Chegando a este século XXI, nossa família já se espalha pelo Brasil e no exterior, em especial nos EUA, onde futuras gerações desses Lacerdas começarão uma nova etapa de nossa eterna jornada.

BREVE RELATO DE NOSSA ORIGEM

Lacerda é um sobrenome que se originou do espanhol La Cerda, derivado  de um apelido que literalmente significa “a cerda”.

De acordo com registros históricos, este sobrenome surgiu por causa do filho mais velho do rei Afonso X, “O Sábio” (imagem ao lado) e D. Violante de Aragão, nascido sob o nome de “Fernando de La Cerda“.

Essa criança ganhou o apelido de “La Cerda” por causa do volume de pelos grossos que tinha no peito.

Tradicionalmente, o dia 24 de janeiro é celebrado pelas famílias La Cerda e Lacerda (variante aportuguesada), pois é a data de nascimento do príncipe D. Fernando, o primeiro a ter o sobrenome “La Cerda”, nascido em 1256.

 

O brasão família La Cerda é um escudo partido e o primeiro cortado de vermelho, um castelo de ouro, e de prata, um leão de púrpura, e o segundo de azul, semeado de flores-de-lis de ouro.


 

Mauricio Lacerda e Clovis Lacerda Leite